quinta-feira, outubro 08, 2009

- o carteiro -
cenas dos últimos episódios:

“vou lá, faço o meu papel, sou agradável, sorrio, rio, participo e depois venho embora” , “inexperiente e inocente. E as pessoas aproveitam-se disso”, “eh pá, não me prepares o pequeno-almoço. Destesto que me preparem o pequeno almoço”, “you can’t handle this”, “vou apagar-te dos ‘favoritos?”, "pára de te preocupares com o bem estar dos outros", “a vida custa-me muito mais sem ti, mas não posso fazer isso”, “não é assim tão mau ser imperfeito”, “já a vi pior”, “fim de semana no chiuaua”, “não é possível a vida ser isto", “talvez não seja aquilo que desejavas que eu fosse”, “o que tu pensas que é bom para ti não é”, “pensas demais”, “põe a mão aqui, põe cabra!”, “e a esperança? Eu não consigo viver assim!”, “ele está a fazer chantagem”, “há qualquer coisa de errado”, “gosta de tudo? Coma de tudo”, “muito cansada, muito triste, sem esperança, em branco”, “és a minha enguia arisca”, “tenho a sensação constante que não gostam de mim, toleram-me”, “mostra as mamas na internet! Expõe-te!”, “anda lá pedir-lhe um autógrafo!”, “looser”, “tens-te na pior conta”, “mach icho não tem muitach vitaminach”, “ridícula”, “amas como quem se vinga”, “diz-me onde estão as garrafas. Eu escondo-as melhor”, “dividimos o mesmo tecto, mas nunca mais fales comigo por favor”, “não tenho paciência”, “vai ser o nosso pequeno segredo”, “para mim, 90% de perfeição”, “não tenho de ser o balde do lixo dos teus desejos sexuais”, “és tímida?”, “ó chiquitita, aqui quem decide sou eu”, “amô, faiz um fávô prá mim? Liga o forno e passa SBT ná caisa”, “desculpa. Desculpa por pedir desculpa”, “as pessoas são simpáticas porque estás magra”, “às vezes a aluna inventa”, “está no banho? Tem de sair, falta uma faca no refeitório”, “Orlando, o que é que eu faço?”, “tens de tomar Ómega 3”, “fuma, droga-te!”, “18 valores em Antero de Quental? Que seca!”, “as tuas calças são tão feias”, “bebes dia sim, dia não”, “não era para ficar mais magra. Era para desaparecer”, “deixa-me em paz com as minhas guerras”, “não, parte-se do geral para o particular!”, “pois, pois, isso é muito bonito, mas não serve de nada”, “já para a coluna jónica já”, "se querias mesmo saber porque é que não perguntaste?", “porque é que não ficas?”.

7 Comments:

Blogger João Barbosa said...

retrato duma vida a 2? é fogo!

8/10/09 6:56 da tarde  
Blogger beluga said...

retrato de uma vida. so far...

9/10/09 1:01 da manhã  
Blogger AM said...

que sofrimento...
e com música pop, não vai lá? (ou só piora!?...)
experimente o ar puro
à postas que não posta a marilyn (em) a-ver o mar (!?)

11/10/09 12:07 da manhã  
Blogger beluga said...

não é só sofrimento, mas neste caso, os últimos episódios eram de más recordações. Bem moldados pela ética católica, recordamos com mais facilidade (e como deve ser!) as coisas más. Com música pop vai lá... ,mas às vezes não me acho merecedora das coisas boas da vida. Como a Beyonce a dançar o single ladies ou a Nelly Furtado a cantar o promiscuous girl!

11/10/09 11:19 da tarde  
Blogger beluga said...

Eu sei, sou muito foleira.

11/10/09 11:19 da tarde  
Blogger Ji|||i said...

este post tem um ar de "livro do desassossego"

13/10/09 9:17 da manhã  
Blogger beluga said...

Sim, cá dentro tem sido um desassossego. Nunca foi muito sossegado

14/10/09 12:02 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home