quinta-feira, junho 04, 2009

- o carteiro -

Caro AM:

Andava há muito tempo a namorá-lo (ao livro! Salvo seja!), mas não queria comprar nem a edição inglesa - porque achava que podia faltar alguma palavra no meu vocabulário que depois limitaria a compreensão da obra e recusava-me a adquirir a versão com a Nicole Kidman na capa porque... não acho a Nicole Kidman boa actriz (o difícil nos filmes não é chorar, o difícil é rir. Ver "Eyes Wide Shut"). Por isso lá andei à procura e encontrei esta capa mais bonitinha ainda que com um itálico aplicado no título, mas nada comparado com o que tinha visto até aí. É que os olhos também comem livros! E apesar de já estar com a leitura avançada para não consigo perceber a razão da recomendação.

2 Comments:

Blogger AM said...

olá beluga
não há razão nenhuma em particular...
a "recomendação" (que não era recomendação mas apenas uma... "sugestão" - à maneira de certas "postas-links" aqui do belogue da beluga) limitava-se a "associar" o "ambiente" dos quadros do Sargent com a letra de uma música do Rufus Wainwright, com o livro do Henry e com o filme do Scorcese
se não estiver a gostar da leitura ponha de lado
a vida é curta para leituras por obrigação
(o melhor é pegar na biblioteca e nem reparar na capa...)

6/6/09 10:35 da tarde  
Blogger beluga said...

Caro AM:
não é que não esteja a gostar do livro e tenho como princípio nunca abandonar nenhum livro a meio (o único que deixei a meio, mais do que uma vez foi "O Monte dos Vendavais". Mas para ser honesta, ainda bem porque aquilo era muito deprimente)

Não consigo não reparar na capa, principalmente nas capas recentes com quadros sobre os "codigos do Graal" e os "segredos de Maria Madalena". ou as intragáveis capas dos livros light. Não consigo deixar de olhar para a capa (defeito de profissão), mas só para a capa dos livros. Com as pessoas é muito diferente.

10/6/09 1:39 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home