sexta-feira, fevereiro 20, 2009

- original soundtrack -


(Gnossienne n. 3, Erik Satie)

13 Comments:

Blogger João Barbosa said...

o Satie lembra-me sempre os pianos verticais das casas burguesas do Porto... em Lisboa é mais cravo e pianos «normais»... acho. Em lisboa é mais Beethoven... não sei
.
ideias de infância, também não sei

20/2/09 7:40 da manhã  
Blogger AM said...

belo
um original e não há assim tantos

21/2/09 10:19 da tarde  
Blogger Brontops Baruq said...

Oi Beluga.

Após muita encheção (de saco) e cobrança da parte de amigos, criei um blog pra mim. A idéia é para divulgar meus medíocres e embaraçosos contos, textos, etc...

Ainda está começando, mas vamos ver se tenho fôlego pra permanecer
(muito provavelmente não).

Estou lhe escrevendo para agradecer, pois vou me inspirar (antropofagia?) no formato de "sessões" que usou para seu blog...

Vou agradecer publicamente e seu link também estará lá.

Espero que não se importe...

Abs ou Bjk (não sei bem)

Brontops
http://brontops.blogspot.com/

23/2/09 11:00 da manhã  
Blogger João Barbosa said...

Então?????? vai demorar muito a escrever mais qualquer coisita ou faz serão? temos de nos queixar à ASAE ou à Direcção-Geral de Espectáculos ou à Alta Autoridade Para a Comunicação Social? Estamos a pagar as nossas liga~ções à net e não estamos a usufruir o que ela tem de melhor... o belogue. Ora, faça lá o favor de produzir, até porque um dos problemas do país é a produtividade... ai que a gente zanga-se!!!!

28/2/09 1:32 da manhã  
Blogger AM said...

eu só quero e muito é que a beluga volte...

3/3/09 8:26 da tarde  
Blogger João Barbosa said...

(nova estratégia)
.
.
.
Beluga... Beluga... olhe que corto os pulsos... e na longitudinal, para sangrar melhor...

4/3/09 9:12 da manhã  
Anonymous maria said...

ó Beluguinha !
Então, nem a chantagem emocional do joão barbosa a comove !

tenho saudades das suas postas :)

9/3/09 1:45 da tarde  
Blogger João Barbosa said...

oh Beluga... veja o que fiz... ah! Ai que me morro de tanto sofrer...

11/3/09 7:11 da tarde  
Blogger AM said...

estou com as palmas das mãos em sangue de tanto aplaudir
a beluga volta, não volta?
o que é que eu posso fazer, o que é que eu tenho que fazer, para um encore?

11/3/09 8:18 da tarde  
Blogger Q said...

exacto..isto é como estar num concerto a pedir um "encore", embora nao seja bem uma repetiçao que estamos a pedir, mas sim um concerto eterno.

12/3/09 9:20 da manhã  
Blogger João Barbosa said...

PALAVRAS DE ORDEM NUMA MANIF:

Não queremos o Satie! Beluga já aqui!

13/3/09 6:49 da tarde  
Blogger observatory said...

o satie.

http://ogatodesatie.blogspot.com/

17/3/09 6:38 da manhã  
Blogger beluga said...

Caro João Barbosa:
o Satie lembra-me o meu primeiro CD de música dita "clássica". ao contrário dos grandes intelectuais da nossa praça que nos inquéritos de Verão falam de Bach e de Mozart, eu falo do Satie. É triste e há até quem diga que ele não sabia tocar piano, mas eu gosto.

Caro AM:
era diferente dos daquele tempo. acho que era um outsider que nunca quis ficar inside.

Caro Brontops (este nome não é fácil)
agradeço-lhe muito a referência. um dia destes vai-me explicar como descobriu o Belogue (penso que à excepção do despropósito, da formiga bargante, do infotocopiável e do genial de génio, o belogue não tem mais ligações na rede). Já lhe agradeci no seu blog, não sei se leu... mas volto a agradecer e espero poder servir de "inspiração". Não leve a mal os meus textos em brasileiro, mas é porque gosto mesmo do sotaque e da forma como os brasileiros estão sempre a recreá-la. Via internet, geralmente são abraços. Só depois quando conheço a pessoa é que envio beijos. a diferença não é nenhuma, bem sei, mas para mim é diferente. No entanto quando é tempo de beijos, ei lá! contem comigo que eu sou beijoqueira.
apareça sempre!

Caro João Barbosa:
os problemas de que lhe falei prolongaram-se por mais tempo que o desejado. Eu bem produzo, mas não consigo vender o meu peixe. percebi agora que há uma razão para o Ministério ser do Trabalho e não do Emprego. É que com muita sorte, o que se consegue arranjar é um trabalho!

Caro AM:
eis a Beluga de volta!

Caro João Barbosa:
uma vez fiz isso, mas ao primeiro risco de sangue assustei-me e parei. espero que se assuste, mas que eu não o tenha assustado.

Ola Maria:
cá estão os posts. Não sei se estão "no ponto" como deviam estar, mas até temia já ter perdido o jeito para estas coisas dos blogs e de frequentar os outros blogs para toda a gente falar de nós e mais isto e mais aquilo.

Caro João Barbosa:
não me vá morrer logo hoje que eu voltei... não pode esperar mais um bocadinho?

Caro AM:
vocês exageram de uma maneira que até deixam uma "moça sem jeito".

Caro Jimi:
as notas t~em sido boas, como te disse, mas sabes que me tem saído do corpo (literalmente! estou bastante mais magra e tenho uma certa dificuldade em aparecer frente às pessoas). Agora que está a acabar acho que vou ter mais tempo para o Belogue. E para os amigos, claro. Beijos, lovu

Caro João Barbosa:
a pedido de diversas famílias, entre elas a família Barbosa que organizou uma manifestação, a Beluga e o Belogue voltaram.

Caro observatory:
obrigada pelo link, obrigada pela visita e olhe... volte sempre.

23/3/09 12:08 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home