domingo, julho 19, 2015

- original soundtrack -

não sabia que havia uma música sobre isto. lembro-me que um dos apartamentos onde vivi se encontrava inserido num prédio que por sua vez se encontrava inserido num conjunto de prédios. Aquele apartamento tinha janelas para todos os lados: no Verão era impossível estar na sala e no Inverno, cozinhava-se de casaco. A janela da cozinha - aka marquise - estava sempre aberta e frequentemente, acordada a meio da noite, ía para lá ver a cidade: um carro fora de horas a passar a alta velocidade, a luz de um cigarro em outra varanda, o som de um chuveiro, um cão a uivar, o vento a agitar a roupa a secar, o camião do lixo, e eu ali a pensar, a pensar, a pensar... claro que esta música fala de amor e nessa altura era algo parecido com amor que não me deixava dormir. hoje o que me leva a postá-la é aquela sensação de que o mundo está no sítio onde deve estar e que a ordem universal se mantém e que por isso, há esperança.



2 Comments:

Anonymous ana said...

também há esta, na versão acompanhada de carne e osso

https://www.youtube.com/watch?v=Z78QRkjglfQ

22/7/15 10:49 da manhã  
Blogger beluga said...

não conhecia anita, obrigada. vamos falando. b.

22/7/15 11:11 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home