quarta-feira, agosto 24, 2011

- o carteiro -

para um bom dia:
- Há artistas que não se têm em grande conta. E têm razão. Porém, não desesperem; chegou o MoBA: Museum of Bad Art
- ouvir "frameville" e "bacatelas"
- The Antics Roadshow ou Bansky 3D? Não sei, só sei que depois de ver dá vontade de sair pela rua a dizer e fazer palermices
- A cidade WASP e JAP soltou-se (Say Something Nice). Apesar de não saberem que era algo encomendado pelo Guggenheim à Improve Everywhere.
- It's time com os rapazes da passadeira.

2 Comments:

Blogger João Barbosa said...

o Moba pode ser a minha rampa de lançamento para a eternidade... temo não ser suficientemente mau
.
beijar polícias? é uma ideia!... o problema é que por cá são quase todos homens... disso não quero para mim
.
a cidade wasp pareceu-me bem negra... ganda ideia... cá havia de ser bonito... só c***** e f**** e m**** e abaixo os políticos
.
deliciei-me com os Maretas

25/8/11 9:49 da manhã  
Blogger beluga said...

O Moba seria a rampa de lançamento de tanta gente (cala-te boca)!!! Há tanto "artista" português que ficaria bem no Moba, com sala própria e tudo. Só não sei se teriam espaço para eles. Deviam fazer em Lisboa (quem diz em Lisboa diz em Cerveira, cof cof...) um Museu da Arte Má. Ainda não encontrei sigla para isto, mas vou pensar como será.

De tantas palermices só fixou o de beijar polícias? Caramba!!! às vezes apetece-me fazer a roda quando vou na rua (é o pino, mas para o lado... mais ou menos), mas parece-me mal. Gostei da ideia de entrar dentro de uma instituição vestido de Pacman.

Sim, a cidade WASP já nem deve existir, ou então não vai para aquelas ruas, faz shopping pela internet! Cá seria provavelmente triste. Ainda hoje percebi que nós portugueses, temos muitas coisas boas, mas somos muito parolos. Abriu um Museu do Arroz. Um museu do Arroz em Portugal! Como se nós fossemos o Vietman! Ainda por cima, algumas das peças não pertenciam à actividade de descasque de arroz, mas à antiga oficina que existia ali... uma coisa do outro mundo. E depois deixamos apodrecer a casa de escritores e esquecemos a efeméride deste ou daquele. Desculpe. nem sei porque é que disse isto

Os Marretas... Prefiro o original.

31/8/11 12:37 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home