sexta-feira, fevereiro 15, 2008

- ars longa, vita brevis -
hipócrates
antes e depois ou "como isto não tem nada a ver. a fotografia de Klein é uma encenação como o eram as suas pinturas (as senhoras a fazer de pincéis). Em 1960 o fotógrafo Harry Shunk realizou uma série de fotografias que simulavam o salto de uma pessoa de uma janela alta. Depois fez a montagem do espaço com a pessoa. No caso da fotografia de Klein o próprio distribuiu pelos jornais de Paris o resultado dessa encenação, criando assim uma obra de produção de apreciação em massa:"

Harry Shunk
Leap into the Void
1960



GNR
Psicopátria
1986

2 Comments:

Blogger João Barbosa said...

esta posta lembrou-me a fotografia do «salto» do world trade center no 11 de setembro... arrepiante

15/2/08 11:55 da manhã  
Blogger beluga said...

Caro João Barbosa:
por favor não dê uma de Karlheinz Stockhausen!

16/2/08 12:53 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home